Associação Junguiana do Brasil 25 Anos

Monografias

Voltar

Autor: Silveira, Denise Amorelli
Título: PSICOSSOMÁTICA: UM PARADIGMA EM TRANSFORMAÇÃO. Abordagem Analítica das Doenças Orgânicas.
Ano: 2016
Orientador: Joel Salles Giglio

Apresenta-se a psicossomática analítica como uma maneira de tratar a manifestação corporal de sintomas e conflitos psíquicos. Aborda-se a doença como um símbolo de transformação da energia psíquica presa nos complexos. Amplifica-se com o mito do curador-ferido a relação doente-doença, bem como doente-médico-curador. Demonstra-se, por meio de pesquisa qualitativa com análise fenomenológica baseada na teoria da psicologia analítica e na física quântica, que a descoberta do significado e a integração deste à consciência contribui ao processo de cura, servindo também ao processo de individuação. Foram feitas entrevistas com sujeitos portadores de câncer concluindo que a sincronicidade dos acontecimentos acompanha a formação e a dissolução dos complexos portadores de sintomas somáticos. Confirma-se que a relação corpo-mente se dá no espaço quase psíquico e quase físico chamado psicóide, demonstrando que no núcleo de tais complexos encontra-se o arquétipo psicóide. Experimenta-se na prática clínica com a devida transferência, através da imaginação ativa, a função transcendente operando sincronisticamente.

Palavras-chave: Psicossomática Analítica. Arquétipo Psicóide. Física Quântica. Sincronicidade. Imaginação Ativa.

Instituto de Psicologia Analítica de Campinas
Instituto C.G. Jung Minas Gerais
Instituto Junguiano do Paraná
Instituto Junguiano do Rio Grande do Sul
Instituto Junguiano do Rio de Janeiro
Instituto Junguiano de São Paulo
Instituto Junguiano de Brasília
Instituto de Psicologia Analítica da Bahia

Associação Junguiana do Brasil - AJB - Todos os direitos reservados

Rua Cardoso de Almeida, 1005, casa 6
CEP 05013-001 – Perdizes – SP
www.ajb.org.brajb@ajb.org.br

by Elav